Os Potentes Pinot Noir da Nova Zelândia

27/03/2018

Esta aristocrática uva borgonhesa, que ama as baixas temperaturas e o clima seco, e que dificilmente se adapta a outras regiões, encontrou, na Nova Zelândia, um terroir ideal. Seus vinhos surpreendem pela tipicidade e elegância. É muito utilizada também nos espumantes com segunda fermentação na garrafa.

 

 Anos atrás, foram os deliciosos Sauvignon Blanc de Marlborough os responsáveis por chamar a atenção do mundo para os ótimos vinhos neozelandeses, um exemplo é o Sileni Cellar Selection Sauvignon Blanc (link para comprar) . Hoje, sabe-se que o país produz também inúmeras outras maravilhas, como os vinhos Chardonnays fantásticos, longevos e complexos. No caso dos vinhos tintos, os rótulos são mundialmente conhecidos por serem muito finos e saborosos.

 

Entretanto a sensação do momento na Nova Zelândia são os ótimos vinhos produzidos com a uva Pinot Noir, casta conhecida por ser temperamental, que se adaptou maravilhosamente bem ao clima frio do país, produzindo alguns vinhos ricos, cheios de classe e elegância.

 

Alguns Pinot Noir neozelandeses são mais frutados e alegres, mas os melhores — como os celebrados exemplares de Martinborough Vineyards como o Main Divide (link para comprar) — são finos e complexos, em geral, em um estilo mais potente e concentrado que a maioria dos Borgonha.

 

Embora a supremacia da região de Borgonha permaneça inquestionável, os exemplares da Nova Zelândia estão entre os vinhos que mais se aproximam de sua habilidade com a Pinot Noir, apresentando uma personalidade rica e sedutora.

 

Outros Pinot Noir de excelente qualidade são os da região de Central Otago como o Mt Difficulty Bannockburn Pinot Noir (link para comprar) e o Roaring Meg Pinot Noir (link para comprar).

 

 

Os melhores vinhos Cabernets da Nova Zelândia são produzidos na quente (para os padrões do país) região de Hawke’s Bay. As uvas estrangeiras Merlot, Syrah e Chardonnay também se destacam na região.

 

 

Exportando, em média, 58,7 milhões de litros de vinho por ano, a Nova Zelândia possui 10 regiões produtoras de vinho em toda a sua extensão territorial, nas quais operam cerca de 530 vinícolas dentro das limitações do lado Norte e Sul das ilhas que compõem o país.

 

 

 

 

---

www.adegasuica.com

 

 

Please reload

  • Facebook Basic Square
  • Ícone do App Instagram
  • Twitter Basic Square
...receber os amigos"

-quero vinho para...

...para o dia a dia"
...em família"
...para beber a dois"